Páginas

19 de abr de 2014

Se Deus criou tudo, quem criou a Morte?

#Ratsin

Obs.: O post não contém nenhum tipo de opinião própria, tampouco a tentativa de pregação de crenças.

Deus criou tudo q há no universo, mas, teoricamente, não nos criou para morrer. Então, como hoje todos nós morremos e como "surgiu" a morte?



Deus não criou a morte, ela é apenas uma consequência, é a ausência da força de vida, onde a criatura sendo matéria se definha, assim como a escuridão é a ausência de luz. Visto que a força de vida, o folego de vida é dado por Deus, ele pode decidir a quem ele dá, ou mantém em vida.

Quando Deus decidiu criar os humanos, tinha um propósito que se mantém até hoje, mas visto que fomos criados com liberdade de escolha infelizmente o primeiro casal humano decidiu escolher a desobediência e o pecado que implicou em sua imperfeição, e degradação de seu organismo por meio do envelhecimento e morte, como consequência do pecado, pois haviam decidido viver por conta própria, apartados de Deus, logo a força de vida dada por Deus iria cessar, pois eles tinham sido avisados que se desobedecessem e comessem do fruto, morreriam. Se eles não tivessem pecado, continuariam criaturas perfeitas e suas células não parariam de se renovar depois de um certo período de vida, e não envelheceriam. Um organismo perfeito seria resistente as doenças que vemos hoje e os próprios cientistas sabem que nosso organismo se renova até uma certa idade e depois para de se renovar, e eles não conseguem entender o porque isso ocorre. Então, a morte é apenas uma consequência da ausência da vida que Deus dá e como criador tem o direito de tirar se sua criatura não age de acordo com seus padrões estabelecidos. Mas se ele fosse um Deus cruel, não tornaria possível o restabelecimento da perfeição e o retorno da vida eterna e a ressurreição (devolução da vida por meio da recriação) daqueles que já morreram.

Para quem não acredita em Deus, basta essa vida que acreditam ser tudo o que há? viver e desfrutar o máximo possível dos prazeres do corpo e da mente e depois simplesmente morrer e deixar de existir, sem lembranças do que aconteceu? Se acham que assim está bom, tudo bem, é um direito de cada um. Mas que a maioria das pessoas buscam um objetivo maior na vida, isso é um fato, mesmo os que não creem em Deus buscam um meio de prolongar a vida e até mesmo eternizá-la, buscam uma fonte da juventude...

Bom, mas o caso é que quem crê em Deus e o conhece mais intimamente por meio do estudo de sua palavra sabe qual seu propósito e intenções e se sente bem e feliz de saber que Ele é amor e providenciou uma saída para a morte. E detém o poder de dar a vida até mesmo aos que já a perderam.
O apóstolo Paulo apresenta um argumento magistral a favor da ressurreição dos mortos em 1 Coríntios, capítulo 15. E o próprio Jesus disse: “Não vos maravilheis disso, porque virá a hora em que todos os que se acham nos sepulcros ouvirão e sairão ao som de sua voz [de Jesus].” — João 5:28, 29, CBC.

Assim, a esperança da ressurreição dá sentido à esta vida atual, pois mostra que há esperança para o futuro. O conhecimento que a pessoa obteve, e o padrão de conduta correta que cultivou, não são apagados eternamente pela morte, mas serão levados em conta na ressurreição.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...